Esqueci minha senha

ASSINE J√Ā

DANDO O CU AO MEU DENTISTA. 02 DE AGOSTO DE 2012
Por: SELMA BRASIL
Visualizado 15000 vezes

Depois de muita conversa, eu e meu dalidioso maridinho resolvemos inovar e ampliar nossas experiências liberais, apimentando ainda mais nosso delicioso casamento.
Agora quero ter experiências com pessoas que não fazem parte de nosso mundo liberal, com meu dentista, vizinhos, entregador de pizza , entre outros. Ontem tive a primeira experiência desse tipo e foi demais. Ontem foi num motel, mas quero fazer isso também em nossa casa de praia, gravando áudio e vídeo para todos os sócios-amigos de nosso maravilhoso site www.selmabrasil.com
Para isso estou colocando a prioridade em adquirir cameras espiãs, tipo: Relógios de parede, despertadores, canetas, bonés, latas de refrigerante e outras tantas, para poder pegar todos os ângulos, com qualidade de imagem e som, para todos aqui. não é legal? Ontem estava com camera normal na bolsa e só peguei o áudio, que colocarei hoje ou amanhã aqui para todos.
Bem, tenho um dentista de confiança, há mais de 10 anos, perto da Av. João de Barros, Recife. Sempre notei seus olhares para mim, principalmente meus seios fartos e bundinha. Quando vou às consultas, gosto de ir provocante mesmo, tanto com ele como para vendedoresde lojas de sapatos, etc. Conversando com meu marido, decidimos dar mais esse passo, que confesso fiz apreensiva, mas hoje, um dia depois, estou ainda mais louca de tesão para repetir com ele e outros mais.
Estou fazendo um tratamento complicado de canal e falei no início que [iamos comemorar ao acabarmos tudo. Ele, feliz, falou que toparia e me cobraria isso. Ontem fui a última paciente e, no final, ele perguntou pela nossa comemoração. Falei que se ele quisesse, poderíamos sair e tomar um chopp num shopping perto. fomos pra lá e, papo vai, papo vem, confessei sentir certa atração por ele. Nossa, notei seu olhar de espanto. Fui clara quanto a saber de seu sólido casamento e afirmei também preservar muito o meu, mas que realmente tinha atração física por ele. Após o papo ir esquentando, ele perguntou se podíamos acabar a conversa num motel próximo, sem compromisso em fazer sexo (Como se eu acreditasse) Topei na hora. Fomos em seu carro e, chegano lá, dei-lhe logo um demorado beijo na boca, coisa que adoro, acariciando seu corpo, começando do tórax e baixando a mão ate´sentir seu membro crescendo sob a calça. Beixei-me e logo coloquei aquele cacete pra fora e comecei a chupar gostoso. ele quase enlouquece.
fomos para a cama e não podíamos demorar!!
SEJA MAIS UM SÓCIO-AMIGO E LEIA TUDO COMPLETO DESSA E DE NOVAS EXPERIÊNCIAS COMO ESSAS AQUI.
SELMA


&acopy; Todos os direitos reservados
selmarecife.com.br