Esqueci minha senha

ASSINE J√Ā

CAVALA ADORA SEUS ESCRAVINHOS. AMOSTRA.
Por: CAVALA.
Visualizado 4765 vezes

Prezados amigos. Sou uma mulher de 29 anos, solteira, independente e de bem com a vida. Tenho meu consultório na zona sul do Recife e moro sozinha no bairro de Boa Viagem, Recife. Vou confessar. Tem quem não concorde. Tem quem repudie. Mas sempre me excitei muito com o cheiro de cu que eu tenho. Somente o cheiro de meu cu. E curto isso demais. Tanto sozinha como fazendo alguns machos de escravos submissos. Já quebrei a cara com esse fetiche. Mas também já tive ótimas experiências como essa de ontem, que foi a da foto. Selma, peço-te para enviar esse relato e fotos para o amigo Biza colocar no blog de Outubro dele. Sou sócia do teu site e quero ler os comentários em minhas fotos. Bem, primeiro vou falar das vezes que esse meu fetiche não deram certo e as situações não foram agradáveis. Depois falarei de ontem e de como esse amigo ficou doidinho. Desde muito tempo sempre gostei de passar o dedo na bunda, quando estava suada e cheirar. O cheiro de cu me deixa louca. E fui curtindo isso. Hoje me masturbo e gozo horrores, somente cheirando dedos com aroma de meu rabo. E vendo as histórias no site e blog notei que tem muito mais pessoas com esse fetiche do que eu imaginava. Entrei em contato com alguns amigos de bom nível. Mas mesmo falando do fetiche não dava certo. Muitos deles acho que pensa que cu de mulher não fede. Como Biza fala. Sei lá. Como saio com machos que dizem curtir cheiro e sabor de cu, não vou a encontro com ele limpinho. Perderia a graça. O cheiro e sabor tem de estar muito fortes. Ou marco após passar uma manhã toda na praia ou marco após um dia de trabalho. Sem eu tomar banho e lavar a bunda. Mas muitos vão com vontade com a cara na minha bunda. Mas dá para notar que não gostam do cheiro e ficam enrolando, somente beijando minha bunda. Alguns eu ordeno lamber e não topam. Outros mesmo com nojo passam a língua. E isso me excita. Outro mais grosseiro até falou que o cheiro estava horrível e que tinha se decepcionado. Mas quem quiser algo assim comigo, tem de curtir mesmo. É o caso desse amigo. Passei o dia todo no escritório, com a bunda ficando cada vez mais suada e fedidinha. Eu sabia e de vez em quando passava o dedo e sentia. Após o expediente, fomos a um restaurante aqui perto de minha casa. Eu falei como estava meu rabo e ele adorou saber. Em minha casa, tirei a roupa e apoiei-me aqui na parede da sala. Ele ....SEJA SÓCIO AMIGO E VEJA DIARIAMENTENA SEÇÃO COONTOS COM FOTOS VÁRIAS HISTORINHAS.


&acopy; Todos os direitos reservados
selmarecife.com.br